Pesquisar este blog

sexta-feira, 2 de março de 2018

Balanço - Fevereiro/2018


E lá se foi... Mais um mês com pesadas despesas (IPTU, máquina de lavar nova) onde não deu pra aportar como eu queria.

Neste cenário de juros super baixos e bolsa meio inchada está difícil achar pra onde correr. Hoje estava olhando debêntures e desanimei. Investimento sem garantia de FGC pagando IPCA + 4% ? Se tem CDB nessa faixa, pra que arriscar ?

E eu inocente pensando que ia faturar esse ano com relativa tranquilidade, sentei na graxa. Me ofereceram uma função com mais responsabilidade no projeto e eu bestamente não me opus. Alegria de pobre dura pouco.

O assunto que mais me chamou atenção na blogosfera financeira esse mês: a disparidade entre as reuniões que os gringos vão fazer esse ano. Enquanto na Europa os caras vão pra uma desconhecida cidade na Romênia num fim de semana, os norte-americanos vão tirar umas férias animais num baita hotel com vista pro mar, ao pé do monte Olimpo, na Grécia, custando a bagatela de 2300 Euros por semana. Frugalidade ?! We're FAT FIRE, honey ! Links:

Estou pensando em mudar minha contabilidade. O jeito que venho fazendo é baseado no tipo de investimento. Estou pensando em mudar para a finalidade do investimento, alinhada a um plano para viver de renda passiva e alocação de ativos. Teria que refazer a planilha pra ela no final do mês me dizer se está na hora de rebalancear.

Eu tenho colocado tudo no bolo mas a verdade é que alguns investimentos não deveriam estar disponíveis para rebalanceamento. Por exemplo, Previdência Privada eu só quero sacar quando tiver 65 anos. Teria que contabilizar à parte.

Também estou pensando em outra forma de contabilizar a renda passiva potencial. Hoje eu simplesmente somo os dividendos de ações e FIIs. Muito básico.


Enquanto não faço essa reforma, vamos aos números:
  • Taxa de poupança ( (receitas - despesas) / receitas) de acordo com o GuiaBolso: 26%
  • Rendimento global da carteira: 0,51% - devagar e sempre 
  • Previdência Privada: 0,53% - ok
  • Tesouro direto: 1,58% - pequena distorção por conta de um aporte no último dia de janeiro que não apareceu no saldo daquele mês; na real deve ter sido uns 0,50%
  • Renda Fixa (CDB, LCx): 0,56% - bom
  • Fundos: 0,56% - bom 
  • FGTS: 0,24% - sem comentários
  • Ações: 1,15% - ótimo crescimento sem grandes destaques; a minha que mais subiu foi CPLE6 (3,43%) 
  • FIIs: 0,61% - destaque para RBRD11 com alta de 4%
  • USD: -1,39% - queda na bolsa americana
  • EUR: -2,26% - queda nas bolsas européias
  • Stock plan: -4,43% - queda geral nos mercados internacionais 

Indicadores do mês:
  • CDI: 0,46% - superei
  • IPCA: 0,34% - superei 
  • Poupança: 0,40% - superei

Alocação atual:


Brasil Exterior
Fundos Prev Privada FGTS RF TD FII Ações Stock Plan EUR USD
23,5% 10,8% 5,9% 14,1% 22,4% 10,1% 4,3% 2,3% 4,0% 2,7%


No próximo mês recebo meu bônus anual. Aporte deverá ser dividido em FII, ações, Ouro, CDBs, fundos e Tesouro SELIC.



Vamo que vamo.

6 comentários:

  1. Olá Vagabundo, parabéns pelo resultado.

    Você já considerou reinvestir e a replicar a previdência privada para aumentar a restituição de imposto de renda?

    Grande abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu faço uma contribuicao voluntaria uma vez por ano pra abater do imposto; sacar e aplicar de novo seria a pergunta ? quando entrei na empresa fiz pela tabela progressiva pois pensei que ia picar a mula dentro de um ano. Agora nao sei se mudo pra regressiva. Tem 8 anos de contribuicao la...

      Excluir
  2. Parabéns. Recomendo divulgar também o resultado percentual mensal geral. Sucesso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Coloquei, deu 0,51% esse mês. Obrigado pela visita !

      Excluir
  3. Início de ano é foda, nunca vi tanta despesa. Agora já dá para melhorar os aportes.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  4. Pois é, Sr. Bife, nem me fala ! Abs

    ResponderExcluir