Pesquisar este blog

domingo, 4 de setembro de 2022

Balanço - Agosto/2022


Pois é amigos, acho que esse mês todo mundo ganhou dinheiro de algum jeito e comigo não foi diferente. Não acredito que estamos tão perto da eleição e o mercado mostrando tanta resiliência. 

Mês passou voando.

Vi vários vídeos do Bastter no Youtube e me diverti muito. Ele é muito engraçado ! Arrogante, claro, mas tem algum pontos bem válidos. Só que se perde na arrogância, pecando nas explicações. Fala por exemplo que não dá pra você ganhar de um banco no financiamento. Faz sentido, mas como ? Não explica, só fala que quem faz isso é idiota e vai morrer pobre. Ponto.

Engraçadíssimo também é o forum /r/fijerk do Reddit. Rola uns tópicos muito escrachados e o pior é que às vezes se parecem com os tópicos dos fóruns "reais". É nego aposentando com 23 anos, outro vem argumentar que vive com 1 dólar por dia e com isso atingiu a IF aos 14 anos de idade, gente que ganha 300k por ano com um blog FIRE, estratégias mirabolantes pra atingir a IF, investidores em Shitcoin se exibindo e por aí vai... só risada !

Não deixe de participar do anuário FIRE Brasil 2022 promovido pelo colega Aposente aos 40.

Desempenho da carteira


Todas rentabilidades abaixo são líquidas, com exceção de previdência privada. Já está descontado IR e taxas para se desfazer dos ativos. Para ativos no exterior considerei um ágio de 5% no câmbio se quisesse trazer tudo pro Brasil, mais multas e impostos.

Tesouro direto (Pré-fixado, IPCA, Selic): 2,2%
Excelente ! Mas será que acabou mesmo a mamata dos IPCA 6+?
 
Renda Fixa (CDB, LCx, Debêntures): 0,2%
Parece pouco mas se considerar que tivemos deflação não é. Metade da carteira é IPCA e portanto andou pra trás. Num outro fenômeno causado pela deflação os dividendos dos fundos de infra vieram bem raquíticos e rolou uma pressão vendedora. Com as quedas aproveitei pra completar minha posição. 3% da carteira global está nisso agora.

Fundos: 1,6%
Arrebentou !

FGTS: 0,41%
Eu não sabia, mas a TR é calculada baseada nas taxas correntes de mercado e por isso de uns tempos pra cá a rentabilidade pulou de 0,25 pra casa dos 0,41%. Um CDB 40% do CDI mais ou menos.

Ações: 1,9%
Mais um mês de euforia. SMAL11 foi o ativo que mais subiu, quase 12%.

FIIs: 8,2%; DY do mês ficou em 0,92% 
Confirmou o que escrevi no fechamento do mês passado. Alguns dos meus FIIs voltaram pro verde e outros estão bem próximo. Só o JSRE11 subiu 17%. Quem não comprou é a mulher do padre ! Aproveitei a alta pra desovar um pouco de MXRF11 pois estava com muito FII de papel  (40% da carteira, sendo que meu objetivo é 30%).

EUR: -2,6%
Moeda e ativos caindo de novo. Aproveitei pra mandar mais uma remessa.
 
USD: -4%
Um desastre ! Comprei mais IVVB11.

Veja detalhes atualizados sobre a carteira no meu Painel de Controle.


Outros ativos


Reserva de segurança (SELIC, RF): 1%
Ótimo!

Troquei toda a carteira brasileira, que estava estagnada. Daqui uns 2 anos eu reavalio.


Resultado do mês


Rendimento global da carteira: 1,4%: no ano 0%
Rendimento real nos últimos 12 meses: -6%
Taxa de poupança: 8%

Indicadores do mês:

CDI: 1,1694%, acumulando 7,75% no ano 
IPCA: -0,36%, acumulando 4,39% no ano 
Poupança0,7121%, acumulando 7,13% no ano

Zerei a rentabilidade, perdendo ainda da inflação no entanto. Parece um time que está perdido em campo, perdendo de 3 a 0 mas aos 35 do segundo tempo num cruzamento besta acaba achando um gol. Debaixo da garoa fina, a torcida, que já se retirava, vê aquilo e volta pro seu lugar para incentivar o time outra vez. Será que dá pelo menos pra empatar esse jogo ?!



Próximos passos


Cheguei num ponto em que se quiser economizar mais, piora minha qualidade de vida. Se quiser melhorar, só gastando mais sem conseguir guardar nada. Ou seja, minha única alternativa pra melhorar de vida e crescer o patrimônio é ganhar mais. Com investimento está complicado, é muita volatilidade, muita incerteza. Só me resta trabalhar, trocando minha vida por um salário melhor. E só num outro emprego, pois nesse já não tem margem pra ganhar mais sem comprometer minha qualidade de vida.

Parece que o mercado chegou ao fundo e o pior já passou. Se não houver fato novo (China invadindo Taiwan, golpe no Brasil, bomba atômica na Ucrânia, sei lá) deve andar de lado um tempo antes de se recuperar. Quanto tempo ? Nesse ponto minha bola de cristal está embaçada, não consigo ver. :-)

Enquanto isso... é ficar de olho nas oportunidades. Comprar ao som dos canhões, vender ao som dos violinos. Fácil falar né ?

Valeu, galera !

sexta-feira, 5 de agosto de 2022

Balanço - Julho/2022


E aí gente ?

Esse mês peguei uns dias de férias, fui viajar e torrar dinheiro. Vejam abaixo a taxa de poupança que maravilha ficou.

Continuo muito sem tempo e empurrando o mundo com a barriga. Pensando em abandonar o movimento FIRE e fundar o movimento FODASE. Você dá uma bica em tudo e foda-se. Não tem TSR, regra de 4%, juros reais, projeções de bolsa, PIB, inflação, nada disso. É só correr pro abraço !


Desempenho da carteira


Todas rentabilidades abaixo são líquidas, com exceção de previdência privada. Já está descontado IR e taxas para se desfazer dos ativos. Para ativos no exterior considerei um ágio de 5% no câmbio se quisesse trazer tudo pro Brasil, mais multas e impostos.

Tesouro direto (Pré-fixado, IPCA, Selic): -1,5%
Títulos longos foram bem além de 6% e eu enchi o carrinho. Pena que durou pouco.
 
Renda Fixa (CDB, LCx, Debêntures): 0,5%
Fundos de infra deram outra recuada e detonaram a rentabilidade. 

Fundos: 0,3%
Ridículo.

FGTS: 3,3%
Em julho sempre vem um extra.

Ações: 3,3%
Tá de bom tamanho. Agora estou no zero a zero.

FIIs: 1,5%; DY do mês ficou em 1% 
Parece que chegou ao fundo do poço. Quem aportou, aportou. Agora é acompanhar a subida.

EUR: -2,6%
Moeda se desvalorizou mais uma vez. Mas não aguentei e voltei a investir depois de 7 meses só acumulando debaixo do colchão enquanto tudo caía.
 
USD: 0,6%
Tá bom. IVVB11 salvou a lavoura.

Veja detalhes atualizados sobre a carteira no meu Painel de Controle.


Outros ativos


Reserva de segurança (SELIC, RF): 0,8%
Ótimo!

Bombou !


Resultado do mês


Rendimento global da carteira: 0,4%: no ano -1,4%
Rendimento real nos últimos 12 meses: -10%
Taxa de poupança: -2,4%

Indicadores do mês:

CDI1,03%, acumulando 6,49% no ano 
IPCA previsto: 0,13%, acumulando 5,64% no ano 
Poupança: 0,66%, acumulando 4,27% no ano

Houve uma leve melhora no desempenho. Mas esse ano tá osso. Nem quem mexe com cripto está ganhando dinheiro.


Próximos passos


Estou convencido de que tenho que aumentar minha renda. Mais pro fim do ano vou inundar o mercado com currículos e tentar virar freelancer. Minha idéia é pelo menos, se não ganhar mais, trabalhar menos. 

Como ? Tentando pegar projetos que pagam boas taxas. Assim trabalho por exemplo 6 meses e tiro o salário de um ano.

O povo fala que é muito inseguro trabalhar assim, pois não tem previsibilidade. Acaba um projeto, não sabe se vai engatar outro logo em seguida. Pra mim é irrelevante. Se ao final de um ano eu ganhar pelo menos o mesmo não reclamo de ficar sem receber quando não tenho projeto, estou de férias ou é feriado.

E segue o jogo.

Bons investimentos e até a próxima !

domingo, 3 de julho de 2022

Balanço - Junho/2022: 1 ano de labuta

E aí amigos ?

Há poucos dias completei um ano de volta à Matrix. Pensando rapidamente nos motivos e objetivos de ter me lançado a tal sacrifício, tenho o seguinte:

- Dei um belo caldo: mesmo após um hiato de 2 anos eu rapidamente me adaptei e arranquei excelente feedback de colegas, clientes e gerentes de projeto, tendo ganhado até bônus por isso
- FATFire: acho que nunca serei. Com o que consigo poupar e com o que o mercado tem retornado é impossível. 
- Margem emagreceu: segue bem magrinha. Eu inclusive já me questiono se algum dia vou poder virar vagabundo de novo... Deprê. 
- Divórcio: a coisa tá melhor mas não dá pra descartar.
- Pandemia: saiu de moda depois que começou a guerra. No entanto foi melhor ganhar dinheiro do que ficar em casa sem poder viajar, ou tendo que viajar com um monte de restrições.

De um ano pra cá meu patrimônio recuou 7% perante a inflação. Se não tivesse recebido salários e continuado os saques, o recuo estaria beirando os 10% segundo minha planilha. Talvez seja cedo pra dizer se valeu a pena, mas parece que sim. Pelo menos financeiramente falando.

E vamos lá, pra fechar esse semestre tenebroso.

Desempenho da carteira


Todas rentabilidades abaixo são líquidas, com exceção de previdência privada. Já está descontado IR e taxas para se desfazer dos ativos. Para ativos no exterior considerei um ágio de 5% no câmbio se quisesse trazer tudo pro Brasil, mais multas e impostos.

Tesouro direto (Pré-fixado, IPCA, Selic): -0,5%
Péssimo. O ponto fraco eu já identifiquei. Quando saí dos fundos de bancão comprei principalmente títulos longos, com o pensamento de que taxa não vence tempo. A consequência é que estou super exposto à marcação à mercado. Esse mês o risco Brasil disparou com mais um auxílio não sei o que, cujo dinheiro não se sabe de onde virá.
 
Renda Fixa (CDB, LCx, Debêntures): 0,5%
Fundos de infra deram uma recuada e detonaram a rentabilidade. Venceram 2 CDBs e preferi nao arriscar, reinvesti a IPCA + 6% pra 3 anos.

Fundos: -0,1%
Horrível. Terminei a migração do Trend Ouro para o BIAU39.

FGTS: 0,4%
Sei lá porque rendeu mais do que o costumeiro 0,3% ou menos.

Ações: -9,6%
Por isso digo que todos os ativos brasileiros são correlacionados. Risco Brasil aumenta, Bolsa e RF caem. Esse mês todo o rendimento do ano foi devolvido e estou no vermelho.

FIIs: -0,9%; DY do mês ficou em 1% 
Yield muito interessante. Pela primeira vez em 4 anos não fiz nada - nem aportei, nem resgatei.

EUR: 8,3%
Em EUR mesmo caiu tudo, mas em BRL deu uma recuperada. 
 
USD: 5,8%
Excelente ! Ouro subiu e levantou a carteira.

Veja detalhes atualizados sobre a carteira no meu Painel de Controle.

Outros ativos


Reserva de segurança (SELIC, RF): 0,9%
Ótimo!

Enfim mais que zero.

Resultado do mês


Rendimento global da carteira: 0,5%: no ano -1,9%
Rendimento real nos últimos 12 meses: -11%
Taxa de poupança: 62%

Indicadores do mês:

CDI1,01%, acumulando 5,4% no ano 
IPCA previsto: 0,67%, acumulando 5,49% no ano 
Poupança: 0,65%, acumulando 3,58% no ano

Foi de amargar. De positivo no entanto pelo segundo mês consecutivo minhas fontes de renda passiva poderiam ter coberto todas minhas despesas. 

Melhores investimentos do semestre: 
  1. Fundos (7,2%)
  2. RF (5,6%)
  3. FGTS (2%)
Piores investimentos do semestre: 
  1. EUR (-14,5%)
  2. USD (-11,1%)
  3. FIIs (-5,5%)

Próximos passos


Estou querendo parar de olhar rentabilidade, olhar só o crescimento da carteira. Preciso de um tempo pra reformar minha planilha AdP++.

Estou sentado num monte de liquidez. Uma bela grana parada sem investir. No começo do ano resolvi parar com aportes no exterior por causa da perspectiva de alta de juros. Foi uma decisão acertada pois de lá pra cá foi só ladeira abaixo. Ainda não me sinto seguro pra voltar os aportes, vou segurar mais um pouco.

Estou meio desanimado com tanto número vermelho. Será que é possível atingir a IF num cenário de alta inflação ? 

Vou viajar esse mês e tentar descansar. Continuo lendo blogs, só não tenho tempo de ficar comentando com calma. Costumo ler no celular indo ou voltando pra algum lugar. É só quando tenho tempo.

Feliz julho e até a próxima!

sexta-feira, 3 de junho de 2022

Balanço - Maio/2022

Salve, nerds das finanças !

Continuo sem tempo pra nada atolado no trabalho e nas burocracias da vida. Finalmente consegui terminar o IR, uma semana antes do prazo.

Continuo lendo blogs conforme posso, só não tenho tempo pra comentar. Vi por exemplo que a Yuka do Viver sem Pressa, uma das blogueiras mais queridas da finansfera, jogou a toalha e não quer mais aposentar cedo. Entre prós e contras de trabalhar, ela concluiu que aceita os contras e vai abraçar os prós. 

Eu por outro lado sinto muita falta do tempo que eu tinha quando estava no sabático. Depois que voltei pro tronco nunca mais estudei música e nunca mais li. Ultimamente nem me exercitar direito tenho conseguido. Um dia ruim em aposentadoria precoce era ainda assim melhor que um dia bom no escritório. O grande problema mesmo de trabalhar é que dá muito trabalho, que toma muito tempo. E tempo você não recupera. Dinheiro dá pra conseguir mais, já tempo não tem jeito.

Em resumo, pra mim o pró de trabalhar é o dinheiro, o contra é que toma muito tempo.

Como o patrimônio segue no atoleiro do mercado e não cresce, estou agoniado olhando minhas planilhas. Tempos bicudos !

Desempenho da carteira


Todas rentabilidades abaixo são líquidas, com exceção de previdência privada. Já está descontado IR e taxas para se desfazer dos ativos. Para ativos no exterior considerei um ágio de 5% no câmbio se quisesse trazer tudo pro Brasil, mais multas e impostos.

Tesouro direto (Pré-fixado, IPCA, Selic): 0,5%
Medíocre.
 
Renda Fixa (CDB, LCx, Debêntures): 0,9%
A salvação da lavoura. Fundos de infra deram mais de 1% de yield isento de IR.

Fundos: 0,6%
Medíocre. Terminei a migração do XP Debentures para os fundos de infra KDIF11 e IFRA11.

FGTS: 0,3%
Sem comentários.

Ações: 1,2%
Aquela última esperneada antes de morrer de vez ? Cumprindo a promessa de nunca mais comprar ações individuais, SEER3 despencou e ao invés de comprar um pouco mais, entrei em SMAL11 nas mínimas, o qual terminou o mês subindo uns 6% enquanto a SEER3 ficou na vala.

FIIs: -0,8%; DY do mês ficou em 0,91% 
Continua o calvário, enquanto isso o DY aumentou mais um pouquinho.

EUR: -3,9%
Vai caindo e eu vou comprando...
 
USD: -5,1%
Só desgraça.

Veja detalhes atualizados sobre a carteira no meu Painel de Controle.

Outros ativos


Reserva de segurança (SELIC, RF): 0,9%
Ótimo!

Ativos no exterior continuam enterrando a rentabilidade. Velocidade da queda diminuiu no entanto.

Resultado do mês


Rendimento global da carteira: -0,3%: no ano -2,4%
Rendimento real nos últimos 12 meses: -12%
Taxa de poupança: 31%

Indicadores do mês:

CDI1,03%, acumulando 4,34% no ano 
IPCA previsto: 0,59%, acumulando 4,91% no ano 
Poupança: 0,67%, acumulando 2,91% no ano

Mais um mês horrível. De positivo no entanto vejo que minhas fontes de renda passiva poderiam ter coberto todas minhas despesas. Foi um mês com poucas despesas extras.


Próximos passos


Aparentemente chegou a hora da renda fixa pré-fixada. Mais de 1% ao mês sem precisar analisar relatórios e balanços é bastante tentador.

Nos próximos dias termino a migração do fundo Trend Ouro para o BDR BIAU39. Mesmo ativo por trás, mais liquidez, menos taxa de administração.

Será mais um mês bem ocupado. Volto no começo de julho com o fechamento do tenebroso primeiro semestre de 2022.

Segurem as pontas aí.

terça-feira, 3 de maio de 2022

Balanço - Abril/2022


Salve, nerds das finanças !

Enfim veio meu bônus junto com um aumento de salário da ordem de... 4%. Isso mesmo, não estou brincando. Não cobriu nem a inflação do ano passado e a bicha tá ainda mais forte esse ano. O mundo corporativo é uma piada. É sério mesmo que tem gente que prefere continuar no emprego do que virar vagabundo ? Não entendo.


No começo do ano o Brasil era um lixo e o negócio era vender tudo e investir no exterior com o dólar a 5,70 e SP500 no topo. Agora o dólar vai virar papel higiênico e o que dá dinheiro é a renda fixa. Vender tudo com o dólar a 4,70 e por no CDI que já tá rendendo quase 1% ao mês praticamente sem risco. Temos que ter muito cuidado com perseguir os investimentos da moda, o que tá dando mais.

Desempenho da carteira


Todas rentabilidades abaixo são líquidas, com exceção de previdência privada. Já está descontado IR e taxas para se desfazer dos ativos. Para ativos no exterior considerei um ágio de 5% no câmbio se quisesse trazer tudo pro Brasil, mais multas e impostos.

Tesouro direto (Pré-fixado, IPCA, Selic): 0%
Estagnou.
 
Renda Fixa (CDB, LCx, Debêntures): 1,3%
Em princípio maravilha mais de 1% líquido, porém com a inflação batendo quase 2% outra vez não sei o que pensar.

Fundos: 0,4%
Uma porcaria. Puxou o freio de mão de novo.

FGTS: 0,34%
Rendendo mais que TD !

Ações: -7,4%
Um desastre. Tudo que vc ganha num mês vc perde no outro.

FIIs: 2,7%; DY do mês ficou em 0,9% 
Será que agora vai ? Sei não...

EUR: -3,7%
Vai caindo e eu vou comprando...
 
USD: -1,7%
Continua derretendo. 

Veja detalhes atualizados sobre a carteira no meu Painel de Controle.

Outros ativos


Reserva de segurança (SELIC, RF): 0,7%
Tá de bom tamanho.

Ativos no exterior continuam enterrando a rentabilidade.

Resultado do mês


Rendimento global da carteira: -0,5%: no ano -2,1%
Rendimento real nos últimos 12 meses: -12%
Taxa de poupança: 49%

Indicadores do mês:

CDI0,83%, acumulando 3,28% no ano 
IPCA previsto: 1,73%, acumulando 4,99% no ano 
Poupança: 0,56%, acumulando 2,23% no ano

Pra poder terminar o ano rendendo pelo menos o CDI eu precisaria de mais de 1% ao mês no próximos meses. Como isso não vai acontecer 2022 é mais um ano perdido. O patrimônio só vai crescer na base dos aportes, se estes não forem engolidos pela inflação. 

Por exemplo, supondo que você aporte 10.000 reais numa carteira de 1 milhão, isso te daria 1% de crescimento na carteira, o que é inferior à inflação atual. Ou seja, mesmo aportando nesse ritmo o cidadão fica mais pobre a cada mês.

O que vocês tem feito ou pretendem fazer pra se proteger da inflação ? Estou ficando sem munição.



Próximos passos


Bolei um mecanismo pra nunca mais comprar nenhuma ação individual. É fácil. Se tal ação da carteira cair abaixo da alocação que defini pra ela, vou e compro um ETF - DIVO11 ou SMAL11. Pronto. E se a ação tal subir acima da alocação, vendo e fim de papo. 

A menos que você tenha alguns milhões investidos não vale a pena a trabalheira que dá na hora de declarar IR. Corro atrás do informe da ação X só pra informar que tenho JCP não pagos no valor de 5,32 por exemplo. Pra que isso ? Parabéns aos stock pickers, não é pra mim.

E digo mais, ações Brasil só continuo por amor à pátria. Renda variável é WRLD11, IWDA e coisas do gênero. 

Quando os juros baixarem daqui uns anos vou vender todos meus títulos longos do TD, ficando somente com os que pagam cupons. Uma economia em desenvolvimento como a do Brasil traz muito risco pra quem investe num título de 20 anos. Ninguém sabe o que será do país daqui tanto tempo. Pode virar a Argentina ou Grécia e dar default. Ou não. Por isso o juro relativamente alto. Não existe almoço grátis.

Caiu meu saque aniversário do FGTS e vai tudo pra renda fixa dessa vez. De 40% CDI vai pra 100%, já é uma grande evolução. Nosso querido governo ainda liberou mais 1000 reais nos próximos meses na tentativa de conseguir alguns votos. Obrigado pela grana (que aliás é minha mesmo) porém voto vou ficar devendo.

Ainda não consegui fazer meu IR. Volto daqui um mês com mais uma atualização. 

Vamo que vamo.

quarta-feira, 6 de abril de 2022

Balanço - Março/2022: meu sonho se tornou realidade


Bem, amigos, vamos esquecer um pouco o Sr. Mercado, a guerra, pandemia, inflação, bolsopetismo e outras pragas. O destaque do mês foi que no meio da loucura do dia-a-dia, meu sonho se tornou realidade. Minha filha pegou cidadania européia. Eu mal pude acreditar no que via. Ela com aquele documento na mão. Ela nem tem idéia do sacrifício que foi nem do tamanho da oportunidade que tem nas mãos. Se vai aproveitar, aí é com ela, minha parte eu fiz - dei a oportunidade.


Desempenho da carteira


Todas rentabilidades abaixo são líquidas, com exceção de previdência privada. Já está descontado IR e taxas para se desfazer dos ativos. Para ativos no exterior considerei um ágio de 5% no câmbio se quisesse trazer tudo pro Brasil, mais multas e impostos.

Tesouro direto (Pré-fixado, IPCA, Selic): 3,5%
Deu uma recuperada. Só que no começo do mês tava indo pra vala e eu peguei IPCA 2040 a 5,93%.
 
Renda Fixa (CDB, LCx): 1,4%
To the moon !!! Fundos de debêntures subiram no fim do mês e ainda por cima entregaram um yield de mais de 1%, livre de IR.

Fundos: 3,4%
Excelente !! Só o Verde subiu uns 4% e enfim saiu do prejuízo.

FGTS: 0,25%
O de sempre.

Ações: 6,7%
Inacreditável ! Quem diria que isso ia andar pra frente ? Taí a prova que ninguém consegue prever o mercado. Se subiu o que eu fiz ? Vendi um pouco de TAEE11 e ITSA4 pois já estavam tomando muito espaço na carteira.

FIIs: -0,3%; DY do mês ficou em 0,9% 
FIIs continuam na UTI. Felizmente o yield aumentou outra vez. Sigo firme na tese de que quando os juros baixarem lá pra 2023 eu recupero o preju de 2020, 2021 e agora 2022.

EUR: -8,5%
Vai caindo e eu vou comprando...
 
USD: -4,3%
Real virando moeda forte ! E eu dolarizando. haha.
 

Veja detalhes atualizados sobre a carteira no meu Painel de Controle.

Outros ativos


Reserva de segurança (SELIC, RF): 0,8%
Tá de bom tamanho.

Ativos no exterior continuam enterrando a rentabilidade.

Resultado do mês


Rendimento global da carteira: 0,7%: no ano -1,6%
Rendimento real nos últimos 12 meses: -9,5%
Taxa de poupança: 3%

Indicadores do mês:

CDI0,92%, acumulando 2,42% no ano 
IPCA previsto: 0,95%, acumulando 2,52% no ano 
Poupança: 0,6%, acumulando 1,67% no ano

Um mês de leve recuperação. De todo jeito, fechei o primeiro trimestre no prejuízo. É um pouco frustrante, parece que trabalho e trabalho mas o bolo não cresce. Sr. Mercado, me ajuda aí !!

Melhores investimentos do trimestre: Ações (14,7%), Fundos (5,5%), RF (2,8%)
Piores investimentos do trimestre: EUR (-17%), USD (-13%),  FIIs (-10%)

Próximos passos


Como falei lá em cima, o objetivo do meu exílio foi atingido. A cereja do bolo vai ser eu pegar o passaporte. Daí o Sr. Mercado tem que colaborar pra eu poder voltar pro Brasil com tranquilidade.

No curto prazo é continuar aportando no que está caindo. FIIs, dólar e euro !

Em breve sobem os juros americanos e por mais que já esteja meio precificado, vai rolar um corre-corre. Tem que aproveitar essas loucuras pra aportar. Preço é tudo !

Volto no fim do mês com outro fechamento. Enquanto isso vou viajar na páscoa e depois fazer imposto de renda. Só correria !

quarta-feira, 16 de março de 2022

Um dia na Matrix

Entre mais uma onda de Covid, férias e preguiça fiquei uns 3 meses sem ir pro escritório. Acordei cedo e, com a mente confusa como em todas as manhãs, me arrumei com a fantasia de ir trabalhar e tomei café meio correndo. Na saída do prédio o ventinho frio me trouxe à mente a frase do momento "Um dia na Matrix".

Peguei o busão pensando que um dia talvez poderia fazer um post assim no blog. Mas aquilo era tão chato e banal que nem valeria a pena. Pois no decorrer do dia vários acontecimentos curiosos me fizeram mudar de idéia.

Bullshit

Pela manhã fui atropelado com o requerimento de montar uma demo. Uma demonstração do sistema para um cliente. Qual ? Nenhum em específico tinham ainda, mas era urgente, tinha que começar já. Passei a manhã em reuniões batendo cabeça com o povo que achava que aquilo era uma pastelaria. No fim não produzi basicamente nada. Mais uma "bullshit task", inventada por alguém para simplesmente gerar trabalho.

Desabafo

Uma hora dei uma parada e fui pegar uma café. Enquanto preparava na maquininha conversei com uma colega que me contou que havia se separado, que o cara largou ela falando que estava confuso, que ela tinha mudado muito depois que foi mãe, e bla bla bla. Ela na verdade achava que ele tinha era arrumado outra. 

Eu tomando meu café, ouvindo ela dizer que o cidadão inclusive estava fazendo corpo mole pra dividir os cuidados com o filho de 4 anos. Detalhe: a gente nunca tinha conversado mais que 10 segundos, e de repente ela espontaneamente me contava todos esses perrengues. 40 anos, bonita, do tipo "sangue quente", filha de pais também separados (ela me contou sobre o divórcio dos pais na conversa). Concordamos no final que casar 2 vezes é loucura, portanto graças a Deus não corremos o risco de nos enroscarmos por aí !

Socializando

No almoço fomos umas 20 pessoas comer sushi junto com um gerente que veio do exterior. Odeio esses eventos assim misturando de qualquer jeito um monte de gente que não tem nada a ver. Fiquei lá no meio como sempre sem conseguir me conectar de verdade a nenhuma das várias conversas que ocorriam. No final o tal gerente pagou a conta e todos aplaudiram, embora muitos não tenham sequer um dia falado ou trabalhado com ele. Não era meu caso.

Putaria

Num certo momento no almoço um colega comentava sobre observação de baleias e começou a me mostrar alguns vídeos curtos no celular. Vai passando, barbatana aqui e ali, passando, de repente aparece um cara fazendo um boquete pra outro. Grotesco, não vou dar mais detalhes porque pode ter crianças lendo. Assim que percebeu a cagada ele recolheu o celular enquanto eu só pensava em como fazer pra "desver" aquilo. Detalhe é que o tal colega é gay assumido. Alguns segundos depois (deve ter apagado rapidinho o videozinho) ele voltou com os vídeos de baleias e golfinhos. Nenhum comentário sobre o pepino do mar que apareceu de repente.

More bullshit

Mais pro fim da tarde assistimos uma apresentação sobre um tema técnico que certamente nos interessa, mas não imediatamente, é coisa pro futuro. A apresentação se arrastou por 1 hora e meia, o powerpoint do cara era chupado da documentação e a grande maioria não entendeu bulhufas. Eu já manjava do assunto e fiquei morrendo de sono, porém com a câmera ligada não podia tirar uma soneca.

Antigamente essas reuniões idiotas me irritavam profundamente. Hoje em dia eu só dou risada. Nada como ver os caracteres verdes descendo pela tela.